SEU CORAÇÃO E O COPO DE REFRIGERANTE.

&

IMAGINE… você tem um copo que está cheio até a metade de refrigerante, mas decide, naquele exato momento, que nunca mais beberá esse tipo de líquido. Você decide que a partir de agora beberá somente suco natural, porque quer se cuidar, preservar seu corpo e se amar mais.

Maaaaaaaaaaaas, ao invés de jogar fora o refrigerante, tu apenas coloca o suco naquele mesmo copo. Vai alcançar seu objetivo? Não, óbvio que não. Seu corpo irá receber a substância que você, por algum motivo, não queria mais que fizesse parte dele.

Certo, pessoal. Agora RES – PI – RE fundo.

Por vezes decidimos que não queremos mais participar de certos relacionamentos que estão nos fazendo mal, como por exemplo, o emprego que está te deixando infeliz, a amizade que toma suas energias, o companheiro(a) que está agindo de forma tóxica. É difícil tomar a decisão de parar de ingerir todos esses sentimentos e pensamentos, mas você conseguiu. PARABÉNS!

No entanto, pessoal, não basta sair de uma situação, de uma “casa” suja. Você precisa, definitivamente, levar seu coração e mente para um lugar limpo, dar um “banho neles”, para, SÓ DEPOIS, conseguir encher eles com sentimentos e pensamentos bons. Caso contrário, você vai misturar o frescor da liberdade com a sujeira das recordações e dores, e isso tudo vai gerar confusão.

Não corra o risco de misturar sua nova realidade com a antiga. Se for necessário, grite, chore, corra, mas se esvazie de todos os sentimentos, emoções que te fazem mal. É possível sim. O perdão não é uma caridade ao próximo. O perdão é a decisão de jogar o refrigerante fora para poder tomar o suco. É por você.

Bom(a) dia/tarde/noite, pessoal. Caso queira conversas sobre isso ou amenidades, clique aqui e vamos bater um papo.

Abraço!

LOUCURA

sucesso (2)

E aí, pessoal! Vamos bater um papo?!

Dizem que “de médico e louco todo mundo tem um pouco”. Já ouviu isso? Acredito que sim.

Sobre ter um pouquinho de médico, a gente sabe que todo mundo tem, inquestionável a nossa capacidade, não recomendável, de realizar diagnósticos e prescrever a solução.

Mas LOUCO? Será?

O que você acha que disseram quando um homem chegou e afirmou que faria um monte de lata andar? Quando o outro planejou a possibilidade chegar à Lua? Loucos, muito loucos. Contudo, hoje as ruas estão cheias de carros e o homem já pisou na Lua.

Tem uma frase do Walt Disney que diz assim: Eu gosto do impossível, porque lá a concorrência é menor. Esse homem é louco, não concorda?! E esse louco foi o maior ganhador de Oscars do mundo, 22 ao todo, 59 indicações pela academia.

Então seja louco nesse sentido aí. Tão louco, a ponto de ignorar as opiniões alheias sobre seus sonhos e avançar até o que antes era inatingível. Você pode romper com os padrões e criar o seu próprio jeito de vencer na vida.

“Mas o que eu faço se nada deu certo até agora, Claudia?”

O dr. google disse que uma das definições de loucura é “alteração mental caracterizada pelo afastamento mais ou menos prolongado do indivíduo de seus métodos habituais de pensar, sentir e agir.” Portanto, infelizmente, temos nos encaixado pouco nesse aspecto de “loucura”.

Então, se nada deu certo até agora, eu te aconselho a tentar o impossível. Lá a concorrência é menor.

Desistir não é uma opção.

Por fim, se quiser conversar sobre isso ou amenidades, clique aqui e vamos bater um papo!

Abraço!

BULLYING, É?

32683132_2099933293595863_9129361868534579200_n

Bullying foi uma palavra bonita que trouxeram para o Brasil, a fim de traduzir a violência física e psicológica em uma só palavra.

Longe de mim querer definir ou limitar essa palavra, ou seu conhecimento sobre ela, mas precisamos falar sobre isso.

Precisamos falar de violência, de bullying, de racismo, porque eles EXISTEM. Em pleno século XXI, ainda temos adolescentes e jovens se suicidando, porque não suportam a dor causada pela violência vivida na escola, no trabalho, em casa.

Eu quero te ajudar, eu quero me ajudar, quero ajudar esse país a mudar essa realidade desastrosa. Então, vamos falar sobre bullying, vamos falar sobre racismo, vamos falar sobre preconceito, vamos falar sobre discriminação.

Mais que isso, vamos lutar contra tudo que tente te dizer que você não é o Universo lindo e completo que é. ❤

Clique aqui e assista meu vídeo com a Juliana. Ela venceu o racismo, o preconceito e veio nos contar essa história!

Abraço!

SUCESSO

sucesso

Sucesso mesmo é ser feliz durante o processo de realização dos nossos sonhos.

A vida está passando e isso demanda um certo desespero. Sabe por quê? Estamos trocando pessoas e momentos por coisas, por trabalho, por estudo, por tecnologia fria e dinheiro. É tão óbvio, mas o óbvio também precisa ser dito.

Vivemos em um mundo materialista? Vivemos em um mundo utilitarista? Sim e sim. MAAAAS, isso não significa que devemos ter a personalidade e valores desse mundo. É necessário equilibrar nossas obrigações com nossa satisfação. Amar mais momentos e pessoas que coisas. Ser destemido, mas leve. Entende?!

Quantas vezes já abrimos mão de olhar o céu, a lua, a natureza, porque estávamos correndo para ou pelo trabalho? Precisamos começar a associar o sucesso à qualidade de vida, à quantidade de sorrisos que você dá ou ganha, aos momentos e sentimentos novos que você pode experimentar.

Então, pare, respire e relaxe. A vida é muito mais do que imaginamos.

Por fim, se você concorda ou discorda, se quiser conversar sobre isso ou amenidades, clique aqui e vamos bater um papo.

Abraço.

COISAS BOAS.

invite-you-to-an-anniversary-party-tocelebrate-their-ten-years-of-marriage.png

Caro leitor, eu não sei você, mas eu estou sempre esperando que coisas boas aconteçam extraordinariamente e, sem que eu esteja esperando, me surpreenda. Como um presente ou festa surpresa. Lembra? Sorriu, não é?! Eu também.

Mas, como quase tudo tem um “mas”, precisamos refletir sobre algumas coisas.

Você já percebeu que as melhores coisas que já nos aconteceram, ou melhores momentos que vivemos, são os mais simples? Somos capazes de guardar por anos, na memória, momentos que duraram segundos de nossa existência. Seja porque eles aconteceram em lugares especiais, seja porque aconteceram na padaria da esquina, enquanto você experimentava o primeiro gole de refrigerante da vida, seja quando você ouviu o quanto era especial, seja porque estava com alguém importante, conhecido ou totalmente desconhecido. Esses momentos aconteceram.

O que eu estava pensando é que com a correria da vida, com o anseio pelo ter, pelo tornar-se, pelo consagrar-se conhecido, acabamos virando uma muralha de resistência a acontecimentos alheios. Não paramos mais para sorrir e dizer “bom dia” ou “você é importante” ou “gosto dessa música”. Não paramos nem mesmo para olhar o que está acontecendo a nossa volta.

SIM, QUERIDOS. Coisas boas acontecem inesperadamente, mas não se engane, elas não são uma ação de Deus ou do que você acredita ser superior a você. Elas são uma REAÇÃO ao que você pratica.

Quando você se lembra de momentos felizes, sua memória, como pregadora de peças que é, te mostra apenas o filme da coisa boa que você recebeu e acaba, por talvez não considerar relevante, esquecendo que você fez algo que resultou naquela coisa boa. Quer ver?

Tente se lembrar de uma coisa boa de sua infância, de alguma lembrança a que você se apega com todo o carinho que tem em seu coração.

Nesse momento da sua lembrança, você estava disponível. Seus muros protetores, inexistentes. Ocupação na mente? A única presente ali era doar o seu tempo para viver aquele momento, aquele sorriso. O jogo, brinquedo ou programa de televisão que não eram utilizados como a satisfação da felicidade, mas apenas o instrumento para você passar mais tempo com aquela pessoa que ama/amava, seja ela seu primo (a), tio (a), pai, mãe, avó, avô. Irmão (ã).

Então… quer saber? Coisas boas acontecerão inesperadamente quando você decidir estar DISPOSTO a vivê-las e recebê-las, com todo a leveza que o amor exige, com toda a intensidade que a paixão prega, com toda a calma que o espírito transborda, com toda a esperança que a alma te proporciona.

Te desejo coisas boas.

Então, se quiser falar sobre isso ou amenidades, clique aqui e vamos bater um papo!

 

PADRÕES. O MUNDO NOS CONVIDA A SER E EU TE CONVIDO A TORNAR-SE.

QUEBRAR PADRÕES DA SOCIEDADE

Se você vive no mundo em que vivemos (olha a redundância, Claudia). Continuemos. Se você vive no mundo em que vivemos, já te disseram como falar, se vestir, pentear seu cabelo, quantos quilos pesar a mais ou a menos do que o que você tem.

Acha que esse é um tema já “batido”? pode fechar a janela então.  No entanto, nem por isso as pessoas deixarão de ser oprimidas por não obedecerem aos padrões impostos por nossa sociedade e esse post é pra elas.

Dizer que é necessário ter autoestima é muito vago para alguém que não está conseguindo se ver pertencente a alguma lugar dentro desse vasto planeta Terra. Então, quero te convidar a fazer uma loucura hoje! Eu te convido a se ver como um Universo único.

Você provavelmente não vê outros planetas batendo na porta da Terra para perguntar o que ela está “vestindo”, “falando”, “comendo”. Cada planeta tem a sua característica única e especial dentro do sistema solar. Lembre-se: Todos eles fazem parte de um SISTEMA, então não pense que estou te dando licença para se isolar do mundo, pelo contrário.

Enquanto o mundo nos convida para ser um padrãozinho, a fim de tornar o mundo um “sistema solar” de planetas iguais, eu te convido a tornar-se um UNIVERSO INTEIRO PLENO E COMPLETAMENTE PREENCHIDO DE CARACTERÍSTICAS SÓ SUAS. Isso mesmo, você torna-se um UNIVERSO próprio.

Se você aceitou, vamos lá!

Organize seu coração. Ele possui um monte de caixinhas, então coloque cada pessoa e situação na caixinha que ela deve estar. Quando você fizer isso, vai ver que a única pessoa que interessa realmente e que pode mudar a forma como você se vê, é você mesmo.

Nesse momento, os padrões da sociedade não vão mais te incomodar, porque você percebe que o seu universo tem o seu padrão próprio, a cor do cabelo que gosta, o peso e gosto musical que você escolher. Dentro do seu universo terá preferências musicais, literárias, pessoais, íntimas que só pertencem a você, mas o que que tem?! VOCÊ É UM UNIVERSO COMPLETO E ISSO É MARAVILHOSO!

Quando as outras pessoas chegarem para você e tentarem te fazer ser ou agir como elas, diga suavemente “lamento, eu não posso. São regras do meu Universo.” Ainda assim, lembre-se… mudanças são uma coisa boa quando faz sentido para a maturidade e felicidade do nosso Universo. Ok?!

Termino esse post sorrindo. De felicidade. Somos um montão de universos maravilhosos com padrões internos que não se encaixam no sistema desse mundo, mas que, ao mesmo tempo, fazem parte dele.

Então, Universo amigo, se quiser falar sobre isso ou amenidades, clique aqui e vamos bater um papo!

Abraço!

O PRESENTE DO ESPÍRITO PARA A ALMA

PAZ

O ser humano tem uma ansiedade por vidas desconhecidas, tempos passados, mundos não descobertos, profissões não escolhidas, escolhas não realizadas, sorrisos não exteriorizados. Você já percebeu isso?

Estamos em uma busca constante por algo que, por diversas vezes, não sabemos o que é. Contudo, é necessário retirar um pouco dessa filosofia romântica da nossa busca urgente pela conquista do nosso próprio bem geral e racionalizar os reflexos disso em nossas escolhas, vida e atual ambiente em que nos encontramos. Vamos lá.

Sei que são diversas as abordagens a esse respeito, mas vamos falar brevemente das que, no momento, eu considero muito relevante, leia-se: Paz e gratidão.

PAZ: Temos urgência por tantas coisas, que não percebemos que a nossa maior urgência é pela paz. É inequívoco que, pelo menos alguns de vocês, amigos e amigas que estão lendo este post, já sofreram essa semana com sintomas do estresse, resultado da correria diária. Definitivamente não sou a favor de pessoas que vivem em um marasmo intelectual, profissional, ou de qualquer outro tipo. Entretanto, é necessário que saibamos dosar a medida com que nos preocupamos com as coisas que acontecem ao nosso redor. A PAZ é um presente do nosso espírito para a nossa alma. O que acontece, é que quando nossa alma está aflita com preocupações diárias, o nosso espírito nos lembra que há coisas muito maiores que nossas preocupações, por exemplo, TUDO O QUE NÓS JÁ TEMOS.

Aí você chega e me diz que não tem nada. Pois bem, ao próximo ponto.

GRATIDÃO: Para ter consciência do que já temos e, assim, nos sentirmos em paz para ter paz (engraçado, não?!), é preciso substituir a ansiedade exacerbada pela consciência de que você veio ao mundo sem conhecimentos humanos e nu e que, até aqui, você já evoluiu BASTANTE. Concorda?! MUITOS pensam que a gratidão é sinônimo de comodismo, mas não é queridos e queridas. Ao contrário, doses diárias de gratidão é a maior motivação interior que você pode praticar e exteriorizar para o mundo.

Se você acha que isso é…como dizem os mineiros… “papinho para boi dormir”… eu te desafio a praticar a gratidão por 3 dias e me contar o que mudou. Se isso realmente te levou a encontrar a tão sonhada “paz interior”.

Lembre-se: a paz é um presente do seu espírito para a alma.

Então, se quiser falar sobre isso ou amenidades, clique aqui e vamos bater um papo!

Abraço!

 

A IMPORTÂNCIA DE TRANSFORMAR SONHOS EM METAS

metas.png

E aí, pessoal! Vamos bater um papo?

Eu amo essa liberdade e disponibilidade que o brasileiro possui para sonhar. Inegavelmente é uma de suas maiores qualidades. Temos ideias brilhantes, desejo de transformar a realidade que vivemos, somos sonhadores por essência. Contudo, é necessário enfrentar a realidade.  Durante toda a vida não conseguimos realizar nem 50% dos sonhos que temos, pois não conhecemos o caminho que devemos trilhar para nos levar até a concretização deles. Então vamos falar um pouquinho sobre isso de uma forma simples.

Lá vai as dicas:

Nº 01. Escreva seus sonhos em um papel, descreva-os um a um e diga o motivo pelo qual deve realiza-lo, o por quê é importante para você.

Nessa etapa vai perceber que alguns deles são realmente importantes, mas outros são apenas desejos passageiros, e por isso, naturalmente você entenderá quais serão suas prioridades.

Nº 02. Não seja excludente.

Às vezes estamos tão preocupados com determinada área de nossas vidas que nutrimos sonhos e desejos de realizações apenas por ela. Quando fazemos isso, estamos limitando o sucesso que poderíamos ter em todas as outras áreas. Então, se você trabalha, estuda, possui família, amigos, não pode nutrir sonhos para apenas uma dessas esferas de sua vida. A propósito, se isso ocorrer, o que você fará quando realizá-lo?

Nº 03. Transforme seus sonhos em projetos.

Quando você diz que tem um sonho, mas não sabe como realizá-lo, possivelmente você não colocou esse sonho no papel como um projeto. Há uma frase mundialmente famosa que diz “Se você pode sonhar, pode realizar”, mas é necessário projetar os passos que te farão chegar ao seu sonho. Por exemplo: Se você sonha conseguir uma promoção no emprego, poderá planejar os caminhos que terá que trilhar, como poupar dinheiro e realizar cursos profissionalizantes; trabalhar os atos falhos, a fim de melhorar sua relação com seus colegas e a empresa; entre outros.

Logo, projete passo a passo. Identifique suas facilidades e dificuldades e, a partir daí, estabeleça um caminho para trilhar.

Nº 04. Transforme seus projetos e metas.

Agora que você já tem um projeto, é necessário transformá-lo em metas. A melhor estratégia é estabelecer a meta final, onde você quer chegar e as metas intermitentes, aquelas metas que você conseguirá cumprir a curto prazo. Se você estabelece metas a longo prazo e a curto prazo, permanecerá focado e motivado até a realização do seu sonho.

Nº 05. Resiliência.

A vida é a coisa mais louca que existe. Acontecimentos instantâneos são capazes de mudar uma realidade em segundos. Então entenda que, por vezes, você precisará ajustar seus projetos a uma nova realidade e está tudo bem. Não há problemas quando você precisa reestabelecer a ordem. Seja resiliente, levante do tombo e comece novamente em sua nova realidade.

Nº 06. Remédio à desistência.

Esse é um ponto crítico: a vontade de desistir. Quem nunca? Se você possui um projeto, sabe que irá enfrentar diversas dificuldades e em algumas delas sentirá vontade de desistir. Quando isso acontecer, volte para a dica nº 01. Pegue aquele papelzinho com as razões que você mesmo escreveu, aqueles que te fizeram iniciar a caminhada. Você não está aqui por acaso, está porque você sonhou e decidiu estar. Então venha! Pegue em minha mão e vamos levantar e começar de novo. Você consegue.

Bom, pessoal. É isso.

Se você quiser conversar sobre sonhos ou amenidades, clique aqui e me envie um email!

Abraços!

EVANDRO GUEDES, LEANDRO KARNAL, PEDRO MEDULA E EU.

xdecisoes-750x420.jpg.pagespeed.ic.4cj-ZgWJ_B

E aí, pessoal! Vamos bater um papo?

Estive assistindo alguns vídeos dessas três grandes figuras. Inicialmente, importa dizer que se nem Jesus conseguiu agradar a todos, não espero que você goste de todos eles, mas certamente você concordará que são grandes nomes.

Esses três trabalham, cada um em seu seguimento, motivando pessoas, palestrando e ensinando coisas óbvias que nunca paramos para reparar. A propósito, leitores de Cortella entendem a importância de reconhecer o óbvio nas situações do dia a dia.

Vou te dizer o que me inspirou a falar sobre eles, mas antes gostaria de citar algumas frases de cada um deles:

“Pessoas especiais enxergam em problemas grandes oportunidades pra mudar de vida.” – Guedes

Esforço é como banho, tem que tomar todos os dias.” – Karnal

“Se você não se apaixonar por seu objetivo vai sofrer mais do que o necessário.” – Medula

Eu sempre trago aqui no blog textos com a finalidade de dizer a você o quanto você é especial, forte e capaz, mas hoje gostaria que você pensasse sobre algo: Você só conseguirá chegar no lugar em que é capaz de se ver e essa mudança de ambiente implica DECISÃO.

Antes de nos tornarmos exemplos de superação em nossas carreiras, eu e esses três nomes paramos e ajustamos nossos objetivos… e nesse exato momento, entendemos que alcançá-los é uma decisão que NINGUÉM poderia tomar por nós.

Eu decidi vencer um infância difícil, a ausência de coisas e sentimentos essenciais, a falta de oportunidades para me tornar a própria oportunidade.

Então… quer saber? Se nós conseguimos, você também pode! Acredite!

Apenas não se esqueça, por gentileza, de tomar uma decisão, um banho e uma dose de amor próprio, a propósito, você é seu maior objetivo.

Um abraço!

FINITUDE. MARIELLE FRANCO. E O MUNDO PRECISA DE…?

Samuel Rodrigues (2) (1)

Os leitores assíduos do blog sabem hoje é dia de post introdutório do vídeo que foi ao ar essa semana. Curiosamente, no vídeo que eu gravei há duas semanas, com o meu amigo Samuel Rodrigues, uma das perguntas era “o mundo precisa de…?”.

Se você acompanha os noticiários nacionais – e também os internacionais – sabe que hoje faz dois dias que a vereadora Marielle Franco foi politicamente executada no Rio de Janeiro. Eu sinto um frio na barriga ao tentar imaginar suas impressões acerca desse caso.

A questão é que vi diversas opiniões nas redes sociais sobre o ocorrido. Em síntese, a população está dividida entre grupos que possuem interesses predominantemente políticos, econômicos ou humanos. Particularmente, acredito que assim como eu, você faça parte do último grupo.

Quando um ser humano morre nos deparamos com a mais drástica realidade a que podemos pode ser expostos: a finitude. A vida passa por nós como um sopro, mas a morte não. Ela é uma certeza eterna. Entretanto, a morte não é o assunto desse post. O legado e a necessidade que o nosso mundo possui de referências e humanidade é.

Você possui opiniões sobre o que poderia ser realizado ou evitado para mudar a realidade de sua cidade, estado ou país, mas do que o mundo precisa de verdade? Será que amor não resolveria as questões? Será que esse sentimento e a valorização da vida humana é uma utopia? Eu, sinceramente, acredito que não. Eu acredito na valorização humana como um potencial a ser desenvolvido e evoluído. Você não precisa ser como todos os outros, entende? Podemos ser diferentes.

Esse desabafo é para te dizer que o amor ainda pode ser sentido e é o mais poderoso instrumento de transformação. Marielle Franco era uma mulher, mãe de família, cria da Maré e vereadora do Rio de Janeiro. Antes de tudo, era um ser humano. Eu e toda a equipe Claudia Carvalho lamentamos a morte desse símbolo de luta.

Por fim, te convido para nos dizer o que, em sua opinião, pode transformar o mundo! Clique aqui e nos envie um email, conversaremos sobre esse assunto ou amenidades. Clique aqui e assista o vídeo “O mundo precisa de …?”.

Beijos!